PROJETOS EDUCACIONAIS

 1º PROJETO

 PROJETO: JUNTANDO OS LIVROS

         

          Este foi meu 1º projeto voltado para Educação. Desde quando me veio a oportunidade de lecionar inglês em 2000. Quando sem livro de inglês nem para mim, nem para os alunos, parti para busca de material didático e  ganhei muitos. Eu só tinha dois livros que estudei no CCAA com o nosso carismático Professor Isaque e um livro da época de estudante. Depois disso, fui tirando dos livros o que eu mais gostava de um conteúdo. Peguei a gramática de um, o texto de outro e o exercício de mais outro e assim fui separando por séries, até elaborar minhas apostilhas de 5ª à 8ª séries. Nisso, foram três anos para ficarem do jeito que eu queria. Todo ano eu acrescentava alguma coisa ou tirava. Em 2011, como ainda não tínhamos livros didáticos de inglês para os alunos, nós utilizamos ele. Os alunos tiraram xérox da apostilha e assim foi um sucesso, já que não perdíamos tanto tempo copiando. Já em 2012, a disciplina de inglês passou a ter o livro didático. Então vou deixando aqui neste projeto um acervo que vai servir para os alunos e professores como pesquisa.
         Façam bom proveito e obrigada!

 2º PROJETO

PROJETO-PILOTO: INGLÊS NAS SÉRIES INICIAIS

           

       Este projeto foi elaborado e desenvolvido em 2012 pela Escola Municipal Gervásio Lages Rebêlo. E pretendemos continuar desenvolvendo pelo apreciação e satisfação de todos os envolvidos que participaram. Foi positiva nossa experiência, apesar do pouco tempo para nos reunirmos para a discussão do desenvolvimento do projeto. O ideal seria que TODOS os envolvidos se reunissem semanalmente para a análise da prática. Mas apesar da correria de todos, os resultados foram excelentes. Os professores ajudaram bastante os nossos alunos (monitores) na sala de aula. Alguns alunos gostaram de ser professores, outros não. Com certeza, foi de ajuda muito grande para o desenvolvimento deles. E quantos professores sairão deste projeto? E quantos já sabem que nunca serão professores? É uma experiência construtiva, por que serve de autoconhecimento. 
         Como idealizadora fiquei muito feliz e agraciada com todos que nos ajudaram nesta empreitada. Queria agradecer a AMARE que liberou os meninos para que lecionassem no seu contraturno. A escola ANGLO na pessoa da Eliane que disponibilizou (doou) com carinho e atenção os livros e CDS de inglês e a peça principal, a nossa diretora Socorro Peres que nos apoiou com materiais pedagógicos e muito mais com a aceitação do projeto. Aos professores que receberam nossos monitores com carinho e aos monitores que se disponibilizaram gratuitamente para a realização das aulas, sempre dispostos e com ânimo. 
            Muito obrigada!


3º PROJETO

PROJETO: OFICINA DA EDUCAÇÃO



            

       Este projeto conta com a parceria de várias pessoas que estão colaborando para que ele seja posto em prática. É um projeto recente, está ainda em construção. Ele é amplo, por que visa ter vários programas ao mesmo tempo, mas por enquanto vamos começar com o reforço escolar que é o mais procurado. Espero que acompanhem a evolução deste projeto e também nos ajude na medida do possível para o crescimento dos programas que queremos desenvolver. 
           Sua participação é importante!

4º PROJETO
PROJETO: MINHA ESCOLHA PROFISSIONAL 



        Estamos em processo de elaboração, mas podemos adiantar que está quase concretizado a parte teórica do projeto. Este projeto nasceu da visão do desespero que nossos alunos nos dão ao entrar no 3º ano do Ensino Médio e principalmente ao sair dele. Era uma preocupação que sempre tive, me questionava o que eles fariam quando terminasse e também perguntava a eles. Geralmente os via desnorteados e eles mesmos falavam que estavam em dúvida ou perdidos. Lembrava da minha própria experiência, onde passei 03 (três) anos perdida de uma lado para o outro assim que terminei o 3º ano do Pedagógico, totalmente sem rumo, sem orientação. Via minhas colegas de turma fazendo planos para estudar em Teresina (na capital, onde somente tinha curso superior) ou outros para trabalharem fora e eu, como sempre, sempre avoada. Por sorte ou coisa do destino, tinha feito um concurso, mesmo sem saber que era concurso, não me tocava que era um emprego (tamanho era minha alienação), era simplesmente uma prova que minha mãe me inscreveu e mandou eu fazer. Não sabia da sua importância. Sem esforço nenhum me tornei uma professora. Apenas deixei me levar e agradeço a Deus e a minha mãe (por ter me inscrito)por esta profissão que tem me dado oportunidade de me desenvolver de todas as formas. Posso dizer que meus alunos são meus professores, por que a toda hora eles me ensinam a ser paciente, a sorrir nas horas difíceis. O que mais posso querer? Só desejar que eles se encontrem na vida, fazendo coisas que lhes fazem bem.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agora acrescente algo mais, reflita e comente com amor!